Slow Bloggin mode ON

Vida

>> Comecei meu blog por amor, porque sempre adorei me expressar através da escrita e das minhas ilustrações (que muitas vezes até saem meio estranhas, mas é uma estranheza que eu gosto, hihi).

Até que chegaram os “vilões” da internet (que na verdade não são tão vilões assim, depende do quanto você sabe lidar com eles): os números, algorítmos e estatísticas. Eles são tipo aquela turminha popular da faculdade, podem ser ótimos amigos mas só quando você já os conhece bem.

E aí eu me senti pressionada, porque um “ofício” que pra mim era quase poético (até levava um caderninho comigo pela cidade para anotar coisas engraçadas que eu via ou frases inspiradoras que me baixavam – me recusava a usar o bloco de notas do celular haha), acabou se tornando uma busca incessante por números e likes.

Eu me via acordando de manhã e, antes mesmo de tomar café (mentira, sou uma ameba antes de tomar café – talvez eu seja depois de tomar também) – já checava os números de todas as redes e separava pautas que eu nem queria abordar, mas que eram assuntos quentes e que se eu não falasse poderia ficar para trás de outros blogs. Bateu aquele desânimo, aquele ranço, aquela vontade de jogar tudo pro alto. E foi assim que o vamospravenus.com acab…. MENTIRA!! Pode pegar um drink e relaxar porque esse blog não acaba, minha irmã! A nossa força tá na essência.

Por isso tô voltando a buscar aquela motivação que me levou a escrever os meus primeiros textos no blog e vou trabalhar de uma nova forma agora, através do *slow bloggin* – achei esse termo chiquérrimo – que significa algo como “bloggar de forma mais lenta” e nada mais é do que postar quando der vontade, quando for verdadeiro.

Acho que a minha escolha por fazer mais zines agora – e postar mais no correio, hehe, piada boba – já veio dessa ideia de mudar de ritmo e fazer as coisas com mais (c)alma. Dessa forma, vocês não ficam sendo metralhadxs com 13.849 textos vazios e desalmados todos os dias (de caótica, já basta a nossa cidade, né mores?), e quando estiverem lendo um texto meu saberão que cada uma daquelas palavras veio do fundo do meu coração. 💛

Anúncios