Essas recaídas que a gente tem

95ce998e8c4d5febc43386ac43caafae.jpg

Não importa quem terminou com quem ou quem se afastou de quem – o que interessa é que não tá mais rolando. Algo aconteceu e ele não liga mais com frequência pra você, assim como você também não manda mais aqueles memes de pets engraçados pra ele toda segunda de manhã. Vocês fizeram como aquelas bandas formadas em reality show, que depois de algum sucesso durante o verão decidem seguir carreira solo.

Você tá bem, você tá até que tranquila demais pro seu normal. Foi mesmo melhor isso acontecer, você precisava se dedicar mais ao trabalho e queria passar o carnaval curtindo com as migas. Beleza.

Até que algo engraçado acontece no trabalho e você quer compartilhar com alguém que entenderia aquele momento melhor do que ninguém – já que você ligava pra ele todo dia depois das 20h contextualizando os acontecimentos da firma.

Até que chega uma sexta à noite e você só quer dar uma saidinha por aí, e todas as suas amigas estão ocupadas com alguma coisa. Uma delas está num jantar de família, outra num date do Tinder, e a última numa festa que ela não te chamou porque achava que você ainda tava com aquele boy do começo desse texto. E bem, agora que você é uma mulher tão ocupada na vida, não tem mais muitas amigas mesmo.

Até que você só precisa mesmo compartilhar aquele meme de gatinho, você precisa de ajuda com um “error 404” no seu computador ou apenas de uma boa noite de sexo-com-afeto. E depois de tanto tempo se segurando, refletindo, raciocinando, você ainda se lembra que está na TPM. E nem o pote de sorvete tá conseguindo abrir. Chega, já deu!

Senhoras e senhores, com vocês: a famigerada RECAÍDA.

Nesse momento, sua mente é tomada por pensamentos do tipo “Onde será que ele tá?” / “Onde foi que eu errei?” / “Por que não deu certo?” / “A culpa foi minha?” / “Será que ele ainda pensa em mim?” / “Será que ainda dá tempo de correr atrás, ou ele já tá namorando com outra pessoa?”

Olha miga, posso te dizer que sempre é tempo de ligar ou mandar aquela mensagem que você estava tentando engolir, mas que ficou engasgada. Sempre é tempo. E como alguém que já passou por isso algumas vezes, te digo que a sensação de ligar, ouvir a voz dele e retomar a história de onde ela parou é mesmo reconfortante. Alivia instantaneamente aquela ansiedade parada no peito, aquece o coração. E quando vocês saem e ficam juntos de novo? É, algumas recaídas são mesmo deliciosas.

Mas depois sempre vem aquela sensação de vazio, sabe? Porque pensa: se acabou uma vez, acabou por algum motivo. Se ele foi insensível, ou você foi egoísta – em poucos meses ainda não deu pra ninguém mudar. Vocês continuam os mesmos, e continuarão até que um dos dois – ou os dois – tenha outros relacionamentos e aprenda mais coisas com eles.

Depois de tantas recaídas – minhas, das minhas amigas e até da Carrie com o Big em Sex and the City – comecei a acreditar que elas são mesmo um mal necessário. Temos que perceber o que elas nos causam a longo prazo e aprender a nos perdoar por elas, porque somos humanas (menos a Carrie que é um personagem) e tudo bem a gente ligar pro ex no meio da noite porque se sentiu sozinha.

Mas só com umas 10 recaídas carimbadas no seu cartão-fidelidade é que você começa a perceber que correr atrás de alguém está mais pra um drama ruim em que a personagem principal morre atropelada por um patinete, e menos para os dramas da vida real onde o que aquece mesmo o coração é aceitar que cada coisa tem seu tempo.

*Ao persistirem os sintomas de ansiedade e solidão, aconselho você a comprar 1 litro de suco de maracujá e pegar um metrô no centro da cidade as 19h. Você vai amar ficar sozinha.

julibatah


Gostou? Que tal dar um like lá na fanpage pra dar uma forcinha? (:

Anúncios

Um comentário sobre “Essas recaídas que a gente tem

  1. Cai em seu blog (no caso esse artigo de fevereiro do ano passado https://vamospravenus.com/2016/02/02/desculpe-sou-de-humanas/) e acabei por ler este seu artigo e tendo a curiosidade de saber se tu ainda postava algo cliquei em “Home”. No caso, seria insensatez minha achar que a partir dos novos aplicativos de relacionamento casuais os relacionamentos (desculpe o pleonasmo) pararam de ser tão intensos ao ponto de que as pessoas já não sentem mais aquela tensão pós termino? Pois tem para mais de 6 meses que terminei com uma menina cujo nosso relacionamento durou 5 anos e meio (após ter saído de outro relacionamento de 6 anos (encerrando 11 (na pegada do texto de humanas)) e ela aparenta estar muito bem, enquanto eu, nem sair com alguém tive a oportunidade.

    Ainda não entendi como é que dizem ser tão fácil se relacionar com alguém. Se hoje em dia parece estar encravado no ideal comum que, todo contato casual de um homem solteiro significa, “ele quer sexo , ou, ele quer sexo afinal de contas”.

    Nesse caso, seu texto, para min, pare-se intangível;

    Curtir

Deixe sua opinião aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s