Quem são as pessoas com quem você anda? | 5 Dias pra se amar mais – DIA 02

sereia02_batah

Casamentos acabam, namoros chegam ao fim e alguns relacionamentos indefinidos podem não ter um desfecho tão incrível quando você encontra um par de brincos meio suspeitos no carro do cara que você tá saindo, mesmo ele jurando que é da irmã dele – que até onde você sabe chama Paulo, tem 1,85m e trabalha como técnico de informática. Quando as pessoas não fazem mais (tão) bem umas pras outras, elas terminam, pedem a conta, param de conviver.

Sendo assim, não entendo muito bem porque amizades não podem acabar. Elas podem ter o mesmo tempo que um relacionamento afetivo e a mesma carga emocional – as vezes até menor porque não tem a parte da pegação (me senti 10 anos mais jovem escrevendo isso), mas se você não quer mais conviver com aquela pessoa que só sabe falar dos problemas dela e te deixa sem energia, sem paciência e sem batata-frita (porque ela é mais rápida) – você está sendo insensível.

Às vezes é preciso fazer faxinas emocionais em nossas vidas e isso inclui algumas amizades. Tem gente que convive contigo por causa do trabalho, da faculdade, da família, e OK, mas quando algumas dessas pessoas se estendem para outros nichos da vida, você pode vir a se questionar se elas deveriam mesmo estar alí. Às vezes a pessoa era até legal na faculdade mas vocês já estão formadas ha 5 anos e ela continua com aquele papo esquisito sobre os gatinhos do terceiro ano e isso simplismente não faz mais sentido pra você.

If you don’t belong, don’t be long.

Brincadeiras à parte, existem alguns tipos de pessoas que são realmente tóxicas e nocivas pra nossa saúde mental – falei um pouco disso aqui – e temos que saber a hora de interromper nossa relação com elas. Quando você acumula muitas “amizades” assim na vida, as coisas ficam meio fora do lugar, tudo vira um grande ruído, sua energia fica pesada. Você se sente triste quando encontra com elas mas acha que é porque não tinha mais o seu número daquele sapato lindo na loja – não, não era isso: você perdeu a noção de quem são as pessoas que realmente importam e se perdeu de você mesma.

Parar e analisar se as pessoas que te rodeiam acrescentam mais alegria ou tristeza na sua vida: vamos? -A princípio é sobre amizades, mas podemos abrir um pouco a mente e pensar em parceiros afetivos também, vulgo boys. Não custa nada.

Esse texto faz parte da série: 5 dias pra se amar mais. Amanhã continua! 

Beijos,

perfil01


Gostou? Que tal dar um like lá na fanpage pra dar uma forcinha?! (:

Anúncios

Deixe sua opinião aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s